umapausa

umapausa

quinta-feira, julho 28, 2011

o mais importante é que o negrume do meu peito se diluiu com estes apertos de amor. Fui rente à Deus, cara a cara, mãos desatadas e um abraço de mais um filho pródigo. E sempre pródiga.
o mais importante é que comecei o degelo desse coração perdido. Estou aos poucos em braços floridos, cheiro de lavanda e louvor. Louvor de novo.
quero-o como esfomeado quer comida, em desespero. Mais pela saudade, que pela realidade.

Nenhum comentário: