umapausa

umapausa

segunda-feira, janeiro 27, 2014

eu vou engolir você

não darei um passo adiante sem antes agarrar-lhe os olhos e morder seus cabelos
dizer adeus amarrando-o em mim e apertar em um nó que também me cega
não deixarei que voe sem que eu acaricie seus pés e também os medos
sem que antes lhe beije até que lhe derreta o corpo
abraçar-lhe até fundir-me no que é
não sou do tipo que me despede sem antes te fazer falta
sou uma macumba de saudade ou pelo menos o desejo
pode ir, mas antes vou arranhar sua alma inteira
lamber seu futuro e qualquer outro plano
cheirar seu pescoço até que suma
e dizer um adeus por ter te engolido goela à baixo