umapausa

umapausa

quinta-feira, julho 31, 2014

justificativa

um dia eu vi
vi que a vida é pior assim mesmo, resoluta.
que deixar passar é fraqueza.
a correnteza se rebela e engole mais tarde os vivos que restam
num lapso de luz ao redor, pude enxergar por trás das trevas.
e lá abriga novas trevas
e calar-se é matar-se aos poucos
então eu falo. eu grito
estou cheia do tempo que me trouxe o tanto
e aqui não cabe mais nada
ponho pra fora num vômito de fogo
sou dragão outrora princesa
é que tudo está farto
o bastante está espumando o muito
sou um recipiente cheio de tudo
não há pausas para gritos
o grito é constante
e ainda cuspo fogo
a vida se fez em excesso